quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Distribuição de renda


Existem várias interpretações a respeito de qual é a maneira ideal de se fazer a distribuição de renda.

No Brasil, vivemos, entre várias contradições, uma delas é a de sermos um país desigual. Tanta riqueza em meio a uma quantidade enorme de pobresa. Também de miseráveis, já que tem gente que colocam todos no mesmo balaio. O mais interessante desta discussão, e que muitas vezes nossa mídia corporativa tenta esconder, é que a pobreza tem diminuido no Brasil. É fato que um dos diversos programas do governo federal, o Bolsa Família, vem fazendo sua parte. Que é garantir o mínimo de dignidade a quem está numa situação de risco social, mas que em contrapartida, exige responsabilidade de quem se beneficia do programa, exigindo deles que mantenha seus filhos na escola.

O que vemos através das emissoras de tvs, jornais e revistas, é que as coisas não vão bem para os pobres. É fato que no sistema em que vivemos (capitalismo) jamais vai haver justiça social com o princípio da individualidade sendo venerada em detrimento do bem estar coletivo.

Observando melhor alguns sites, pude observar que, apesar do fato ser evidente para vários organismos internacionais em que se reconhece os avanços no combate a concentração de renda, com os programas sociais, o governo Lula continuará sendo constantemente combatido através de ilações de corrupção envolvendo quadros de seu governo ou por omissão de notícias, em matérias que o governo vai muito bem.

Acompanhem abaixo alguns links que podem dar um dimensionamento daquilo que estamos falando;

-

PNUD: BOLSA FAMÍLIA NÃO É "BOLSA VAGABUNDO"

-

Concentração de Renda Divide o Brasil em 5 Classes

-

Concentração de renda no Brasil

-

Programa Bolsa Família

-

Bolsa Família cresce para combater evasão escolar

-

Uma estratégia para o desenvolvimento social

-

Nenhum comentário: